Linhaça: É Bom Para Quê?

Se você ainda ainda não incluiu a linhaça em sua alimentação, está na hora de conhecer um pouco mais sobre a semente e começar a consumi-la já. Hoje vamos listas os principais benefícios trazidos por esse alimento poderoso. Ao final do artigo você também encontrará dicas de como e quanto consumir da semente diariamente.

Nutrientes da Linhaça

A linhaça está entre os alimentos mais ricos do mudo, se levarmos em consideração a sua grande quantidade de nutrientes. Ela contém ômega 3, ômega 6 e ômega 9, ácidos graxos essenciais para a manutenção da nossa saúde. Além disso, é rica em vitaminas B1, B2, C e E, além de caroteno, ferro e zinco, potássio, fósforo e cálcio. Outro componente importante são as fibras solúveis, que ajudam no emagrecimento, como veremos adiante, e no combate ao colesterol alto. Esses nutrientes fazem com que a linhaça seja considerada como um alimento funcional, ou seja, capaz de melhorar as funções do organismo e combater doenças.

Linhaça: semente, óleo e cápsulas

Linhaça: semente, óleo e cápsulas

Combate ao Câncer

Estudos mostram que a linhaça conta com 27 substâncias capazes de combater o câncer. Isso não quer dizer que o consumo da semente pode acabar com tumores já existentes, mas sim que ela dificulta a multiplicação celular desordenada. Os tumores de próstata, cólon, mama e pulmão estão entre os casos em que a linhaça tem importante papel preventivo. Muitos pesquisadores acreditam que parte desses benefícios se deve à presença da lignina, uma substância de raro efeito benéfico no organismo humano. Vamos falar um pouco mais sobre ela no próximo tópico.

Sintomas da Menopausa

A lignina é considerada como um fitoesteroide. Em nosso organismo, ela age de modo bastante semelhante ao hormônio feminino estrogênio, algo nunca antes visto por cientistas. Como sabemos, durante o período conhecido como climatério, a mulher começa a produzir menos hormônio porque está deixando de ser fértil. Esse processo, popularmente chamado de menopausa – a palavra na verdade se refere especificamente à última menstruação – , traz incômodos para vários mulheres: ondas de calor, irritação, mudanças de humor e perda da libido. É justamente no combate a esses sintomas que a linhaça costuma ser mais eficaz. A semente age como uma reposição hormonal natural, menos agressiva que o uso de medicamentos. Cerca de duas colheres da linhaça por dia são o suficiente para aproveitar esses benefícios.

Sistema Digestivo

Outro beneficiado pela ingestão da linhaça é o sistema digestivo e as principais responsáveis por essa propriedades são as fibras. Elas ajudam a evitar a acidez estomacal, além de melhorarem o trânsito intestinal. Por isso, o consumo de fibras é bastante indicado para quem sofre com a prisão de ventre. No entanto, para que aproveitar esse benefício é fundamental ingerir muita água durante o dia, pois a fibra não hidratada costuma agravar a constipação e ainda causar outros problemas.

Redução do Colesterol

A má alimentação das pessoas de um modo geral vem causando uma elevação nos casos de colesterol alto. Esse problema, relacionado ao aparecimento de diversas doenças, pode ser evitado e controlado com a ingestão regular de linhaça. Mais uma vez, são as fibras as grandes aliadas, pois dificultam a absorção da gordura durante a digestão. Os ácidos graxos também tem papel importante na redução do colesterol ruim, ajudando a regular os níveis de gordura no organismo.

Suco com Linhaça

Suco com Linhaça

Emagrecimento

Muita gente se questiona se a linhaça emagrece ou engorda. Essa resposta, é claro, vai depender de como ela consumida. Em quantidades adequadas e juntamente com outros alimentos saudáveis, a linha pode contribuir para a perda de peso. O segredo está em duas frentes de atuação: as fibras, que diminuem a sensação de fome e dificultam a absorção de gorduras; e as substâncias que ajudam no controle da ansiedade. Estudos recentes também mostram que mulheres que ingerem lignina possuem uma menor quantidade de massa corporal, ou seja, são mais magras que as não consomem essa substância. Essa combinação faz com que a linhaça seja uma auxiliar nas dietas de emagrecimento, devendo ser incluída diariamente no cardápio.

Como Consumir a Linhaça?

Para aproveitar os benefícios da linhaça, os especialistas indicam que a semente seja consumida sem exageros. O consumo de 2 colheres (sopa) diárias são o suficiente para que ela possa trazer os efeitos positivos já mencionados sem causar prejuízos ou ganho de peso. Agora vamos às dicas de consumo:

  • Nutricionistas afirmam que o farelo é a forma em que a linhaça tem mais propriedades benéficas. Ele pode ser adquirido em lojas de produtos naturais ou ser preparado em casa triturando as sementes no processador;
  • Esse farelo pode ser misturado a quase todos os alimentos: arroz, sopas, saladas, vitaminas, sucos, pães, biscoitos, bolos, iogurtes e muito mais. Outra forma de consumo é misturar 1 colher (sopa) do farelo em 1 copo de água, misturar bem e tomar em seguida;
  • A combinação de linhaça e aveia é ótima para a saúde. Os dois ingredientes podem ser acrescentados ao cereal matinal ou utilizados no preparo de uma deliciosa granola caseira;
  • O óleo obtido a partir das sementes da linhaça é um bom substituto para outros óleos vegetais. A quantidade pode ser a mesma, mas evitando excessos. Lembre-se que todo óleo é calórico e pode ser danoso em grandes quantidades.

Agora que você já conhece todos os benefícios da linhaça, basta colocar essas dicas em prática!

Tags: , , , , , , , , , ,

Comentar